fbpx

Dente do siso: Confira Mitos e verdades

Dente do siso: Confira Mitos e verdades

O dente do siso é o terceiro molar e último dente de cada lado dos maxilares superior e inferior. Eles também são os últimos dentes a nascerem; geralmente aparecendo entre o final da adolescência e o início da vida adulta.

Sinais e Sintomas

Os dentes do siso que nascerem apenas parcialmente ou nascerem “tortos” também pode levar à uma inflamação ao redor do dente. Uma vez que os dentes extraídos antes dos 20 anos têm raízes menos desenvolvidas, tornando assim uma cirurgia de extração muito mais simples, o seu dentista provavelmente vai examinar os dentes dos siso das pessoas entre entre 16 e 19 anos de idade.

desenho dos sisos

Confira 8 Mitos e verdades sobre Dentes do Siso:

1- Algumas pessoas nascem sem os sisos ou só com alguns deles

Verdade. Cada vez mais tem sido comum as pessoas nascerem sem os dentes do siso. Pela evolução dos padrões alimentares nos últimos séculos, com comidas mais pastosas e cozidas, o siso se tornou um dente em extinção. Essas pessoas nascem sem o germe do dente, o que faz com que ele não se desenvolva. É uma adaptação do ser humano à evolução da espécie.

2- Sisos atrapalham o alinhamento de outros dentes

Verdade. Como adiantamos no começo deste texto, os dentes do siso nascem depois dos outros dentes e, por ter teóricamente uma força de erupção muito grande, pode fazer com que dentes vizinhos se desalinhem ou apinhem (fiquem uns por cima dos outros). O nascimento dos sisos também pode atrapalhar o tratamento ortodôntico, pois ele dificulta a movimentação dos outros dentes em tratamento com aparelhos ortodônticos.  

3- O siso pode atrapalhar a movimentação da boca, a fala e a respiração

Mito. O nascimento do dente do siso ou sua erupção completa não interferem na fala e tampouco na respiração. Porém, o que pode ocorrer, de fato, é ele atrapalhar o movimento da boca, caso a gengiva esteja inflamada ao seu redor.

4- É normal sentir dor e ter sangramento quando o siso está nascendo

Depende. Não é comum sentir dor ou sangramento durante o nascimento dos dentes do siso. A ocorrência de dores e sangramentos normalmente está associada a algum tipo de infecção ou inflamação na gengiva, onde ele está localizado e forçando sua passagem.

5- Não existe idade ideal para extrair o siso

Mito: O ideal é retirar os dentes entre os 16 e 18 anos, mas isso depende de cada caso, pois é nessa idade que a raiz ainda está com ? de sua totalidade formada, o que facilita o processo de sua extração. É de se mencionar, entretanto, que, em outros casos, existe a possibilidade de o dente ainda estar completamente escondido e sem sinais de querer erupcionar, em jovens entre 16 e 18 anos de idade. Nesses casos, é indicado que se remova os sisos antes que se complete 30 anos. Depois disso, segundo especialistas, o dente passa por um processo de calcificação, o que torna a sua extração ainda mais complicada. Além disso, é uma época em que existe a tendência maior para outras doenças relacionadas aos avanços da idade, como a pressão alta e o diabetes, que podem prejudicar o procedimento cirúrgico para remover os dentes do siso.  

6- Não é preciso esperar os dentes nascerem para extrai-los

Verdade: Os sisos podem ser retirados mesmo quando não há sinal visível deles na gengiva. Um dentista ou cirurgião buco-maxilo saberão dizer, por meio de radiografias panorâmicas, se é necessário ou se essa é a hora de extrair os populares dentes do juízo para evitar problemas em um futuro próximo ou distante.

botão neo joinville

7- Quem já extraiu um siso tem que tirar todos os outros

Mito. Especialistas recomendam que se retirem os dentes antagonistas, ou seja, se for removido o dente do siso superior esquerdo, deve-se remover o inferior do mesmo lado. Isso porque esse dente tende a ocupar o espaço do dente e crescer até ocupar o espaço, machucando a gengiva oposta. No entanto, esse é apenas mais um, entre tantos mitos relacionados ao dente do siso.

8- O siso é um dente mais difícil de extrair do que os outros

Verdade. Por se localizar num local difícil de manipular, a cirurgia é mais complexa do que as outras. Isso também porque podem nascer inclinado ou na horizontal, dificultando a remoção. Entretanto, hoje em dia, com os avanços da odontologia, existem técnicas de extração que facilitam mesmo nesses casos e promovem cirurgias tranquilas.  Para saber mais e tirar dúvidas sobre a necessidade da remoção de seus sisos, consulte seu dentista buco maxilo facial ou ortodontista. Só ele saberá informar com precisão a necessidade da cirurgia e avaliar o melhor momento para realizá-la.

Visite um dentista para saber se a extração do siso se faz necessária!

 

Adicionar Comentário